Cáritas Diocesana de Pesqueira participa da entrega de donativos na Vila de Cimbres

A Cáritas Diocesana de Pesqueira participou, no último domingo (27), da entrega de cestas básicas, brinquedos e roupas na Vila de Cimbres, território indígena do Povo Xukuru de Ororubá, no município de Pesqueira. As doações foram realizadas por um grupo de 28 voluntários (as) vindos do Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana do Recife. A ação fez parte do projeto “Ano Novo na Estrada”, que é realizado anualmente por um grupo de amigos e amigas, e que ao longo dos anos vem promovendo a campanha para a arrecadação de alimentos, brinquedos e agasalhos para pessoas em situação de vulnerabilidade e exclusão social. 

essa

essa1
Ao todo, 75 cestas básicas, 200 brinquedos e mais de 600 peças de roupas e agasalhos foram doados para representantes de mais de 75 famílias da comunidade. A entrega dos donativos aconteceu no Salão São Miguel, na Vila de Cimbres, e contou com a participação, além dos voluntários (as) do grupo, de Sr. Assis, ministro da eucaristia e sacristão da Paróquia Nossa Senhora das Montanhas; e do agente Cáritas Francimário Gomes.

A Cáritas foi a organização escolhida para participar da atividade por ser uma instituição referência no território diocesano, principalmente na execução de ações solidárias como as campanhas realizadas anualmente. “Através das nossas redes sociais, o grupo ficou conhecendo o trabalho realizado pela Cáritas Diocesana de Pesqueira e entrou em contato solicitando essa indicação de locais que poderiam receber a ação. A partir disso, escolheram a Vila de Cimbres para o gesto concreto”, reforçou a secretária executiva da Cáritas Diocesana de Pesqueira, Neilda Pereira.

essa2
“O momento foi muito bonito e aconteceu de forma alegre. As famílias ficaram extremamente gratas com a atividade, principalmente as crianças. Dona Andréa, uma das moradoras da Vila de Cimbres, entregou alguns chaveiros de artesanato indígena produzido por ela para os voluntários do grupo. Foi um momento de total integração”, salientou Francimário Gomes. Ao final da ação, os moradores e moradoras dançaram um Toré em agradecimento pela atividade e apresentaram um pouco do artesanato indígena produzido na comunidade.

essa4

essa3

Por Núcleo de Comunicação da Cáritas Diocesana de Pesqueira


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *