Cáritas Diocesana participa do primeiro módulo do curso de formação para atuação com migrantes e refugiados

Cinco dias imersos na realidade dos imigrantes vindos da Venezuela, mais precisamente da cidade de Boa Vista (Roraima), foi o cenário onde cerca 50 agentes da Rede Cáritas dos inter-regionais do Norte, Nordeste, Sul, Sudeste e Centro-Oeste, refletiram e conheceram a realidade migratória no Brasil e no mundo; partilharam experiências no atendimento junto aos migrantes e refugiados em cada regional, e ainda aprofundaram estudo sobre a temática pastoralidade e espiritualidade no contexto migratório.

Esta experiência ocorreu durante o 1º Encontro Nacional de Formação para Atuação com Migrantes e Refugiados, de 9 a 13 de abril, na Prelazia de Roraima, com os representantes dos inter-regionais da rede Cáritas que atuam diretamente em iniciativas como o Programa Pana e o Projeto Caminhos de Solidariedade, este último, projeto em que a Cáritas Diocesana de Pesqueira acolheu duas famílias de imigrantes venezuelanos no início de 2019.

Organizado pela Comissão

de Migração e Refúgio da Cáritas Brasileira, o objetivo do Encontro é o fortalecimento das capacidades para a acolhida e integração de imigrantes e refugiados, formando agentes multiplicadores em suas realidades regionais. Divido em três módulos, dois a nível nacional e um regional, neste primeiro módulo a programação contemplou a discussão, análise de conjuntura, e, aprofundamento nas temáticas formativas e de articulação em rede para atuação com migrantes e refugiados.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *