Cáritas Diocesana de Pesqueira participa de Assembleia Geral sobre a criação do Sisar Moxotó

Nesta última quinta-feira, 15, na cidade de Buíque, a Cáritas Diocesana de Pesqueira, participou da Assembleia Geral sobre a criação do Sistema Integrado de Saneamento Rural (Sisar) da região Moxotó. A iniciativa está sendo coordenada pela Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) junto com as secretarias estaduais de Infraestrutura e Recursos Hídricos (Seinfra) e Desenvolvimento Agrário (SDA), com o objetivo de realizar a operação de sistemas de abastecimento d’água, bem como de esgotamento sanitários em comunidades rurais.

Na ocasião, a secretária executiva da Cáritas Diocesana de Pesqueira, Magna Pollyana, apresentou a experiência da instituição na temática do saneamento rural e o seu modelo de autogestão, através do projeto “Gestão Comunitária de Sistemas de Abastecimento D’água” que já implantou dois sistemas comunitários que atende a demanda de mais de 800 pessoas, de sete comunidades rurais da cidade de Buíque, em parceria com a Fundação Avina e a Aliança Água + Acesso. Além disto, atualmente o projeto está implantando mais dois outros sistemas de abastecimento, que beneficiará 130 famílias, cerca de 520 pessoas atendidas diretamente.

“Iniciamos esse projeto há pouco mais de dois anos e já temos bons frutos, a construção de forma coletiva junto com as comunidades têm sido fundamental para o avanço e sustentabilidade do projeto. Acreditamos que é possível ampliar essa experiência para todo o Estado. Enquanto Cáritas Diocesana de Pesqueira, estamos felizes em participar e contribuir nesse debate em prol do saneamento rural, para que as famílias tenham o acesso à água nas comunidades e melhorem sua qualidade de vida”, enfatiza a secretária.

Durante o evento, aconteceram outras apresentações, entre elas, a Coordenadora da Associação Municipal de Gestoras e Gestores Comunitários de Sistemas de Abastecimento de Água de Buíque (AGESABE), Jéssika de Oliveira, explicou também, o papel da Associação, que atualmente é responsável pelo gerenciamento dos sistemas implantados por meio do projeto executado pela Cáritas.

Estiveram reunidos, representantes da sociedade civil; associações e lideranças comunitárias; Sisar do Ceará; imprensa; organizações; autoridades locais; a secretária da Seinfra, Fernandha Batista; o secretário da SDA, Dilson Peixoto; a presidente da Compesa, Manuela Marinho; o coordenador do Núcleo de Saneamento Rural da Compesa, Sérgio Murilo; e entre outros. A previsão é que até o final deste ano, o Sisar Moxotó, esteja apto para atender as cidades de Buíque, Tupanatinga, Arcoverde, Venturosa, Pedra, Sertânia, Custódia, Ibimirim, Manari e Itaíba.

IMG_0774

IMG_0785

IMG_0794

IMG_0801

IMG_0814

IMG_0855

IMG_0874

IMG_0876


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *